quarta-feira, fevereiro 06, 2008

Oficina Brennand

Não, não é um repeteco nem continuação de outro post. O foco agora é o atelier de Francisco Brennand, irmão do colecionador Ricardo Brennand, cujo espaço já foi mostrado aqui no início do ano. Francisco é um dos mais importantes artistas plásticos pernambucanos. Sua oficina, construída nas instalações de uma antiga fábrica de cerâmica de seus familiares, é um lugar mágico repleto de ambientes e imagens que parecem nos levar a uma dimensão paralela onde o onírico dialoga sem cerimônia com a realidade objetiva. Se as esculturas e painéis em cerâmica parecem dominar a maioria dos edifícios da oficina, naquele que se chama Accademia fica exposta a belíssima e não tão conhecida produção pictórica do artista, telas em vários formatos, tamanhos, técnicas e temas. Enfim, a Oficina Brennand é um lugar para se visitar sem pressa. Há que se sair energizado dali.



































































6 comentários:

Love2Read disse...

you have some great pictures

Aleksandra Pereira disse...

Lipe, querido,
viajei na ludicidade das obras, já fiquei imaginando mil e uma estórias, que lugar inspiradíssimo e inspirador!

beijo grande.

Felipe disse...

Thank you love2read.

Felipe disse...

Olá Alê!
Essa á a palavra: lúdico!
Brennand tem alma de criança, adora brincar de realizar os próprios sonhos. E penso que a obra dele contagia quem se deixa tocar por ela.
Beijão pleonasticamente imenso.

Thelma disse...

Oi, querido.
Este é um dos lugares mais especiais do Recife, do Brasil e, quizá, do mundo. Levo todos os meus hóspedes a este ambiente mágico.
Beijos saudosos.

Felipe disse...

Beijos, Thelminha.
Muitas saudades. Já voltaste?