domingo, janeiro 21, 2007

Casa cheia

Todo mundo lá em casa acumulou roupa suja neste final de ano. Cada um se virou como pôde. Meu quarto virou quintal, um grande varal.




5 comentários:

Patricia disse...

A saia balança
As roupas bailam
Se ela estende
No varal de naylon
Se ela estende
Roupa no varal

Vestido, blusa
O vento veste sutiã

No varal de naylon
Na manhã árida do bairro

É, as nossas roupas bailam
Trocam botões e babados
Elas vão se cruzar logo mais
Quando a gente se encontrar
As nossas roupas vão sair prá jantar
Nos levar prá dançar
E depois ficar a sós
Suadas no tapete esquecidas de nós

Nossas roupas bailam
Se ela estende
Roupas no varal
É....
(Roupa no Varal - Lula Queiroga)

Vivien disse...

cade o quintal dessa casa, gente?;0) beijos.
Não consigo entrar no seu blog direto no link do meu.!!!;0((

Felipe disse...

Nem me lembrava dessa música, Patita. O Lula é genial.

Pena que varal de quarto seja tão sem graça, em comparação com varal de quintal. :)

Beijão

Felipe disse...

Temos dois grandes varais na área de serviço, Vi, mas eles não comportam sequer a roupa que felipe usou em três semanas quanto mais as peças acumuladas de cinco pessoas ao mesmo tempo. É punk! :D

Oxente? Por que será que não estás acessando direto para cá?

paty disse...

Quanta roupa Lipe!!!