sábado, janeiro 13, 2007

Castelo

Já experimentou fazer um castelo de nuvens? Experimente. Como? Escolha uma nuvem, olhe para ela e deixe seu desejo e sua imaginação fazerem o resto. Se o castelo vai durar? Nem um minuto. O vento leva. Mas dependendo da emoção que você empregue, poderá durar para sempre na sua memória.

12 comentários:

TARCIO VIU ASSIM disse...

Eita que eu estou tendo o privilégio de ser o primeiro a comentar essas fotos, pela 2ª vez seguida!
-
Tem coisa melhor pra curar stress e exercitar a criatividade que procurar um lugar sossegado, deitar de papo pro ar e ficar criando castelos e bichos e histórias com as nuvens do céu?
-
Grande abraço, cumpade Felipe!

Felipe disse...

Grande Tárcio! Eita digo eu!
Mal acabei de postar e esse meu compadre já me deu a alegria desse comentário! Benza-te Deus!

Olha, nem me dei conta de que essa atividade pode curar stress. E deve curar mesmo! Entrar nessa sintonia zen da natureza, beber desse tempo sem agonia, é coisa para se auto-abençoar.

Abração pra ti!!!

Ana disse...

Já fiz castelos, zoológicos, florestas...

É uma delícia! meus filhos adoravam e achavam milhares de personagens!

Bom relembrar... Isto é um F(i)liperama!

Felipe disse...

Que legal esse lance do F(i)liperama!

Eu e minha irmã fazíamos muito isso de modelar nuvens, especialmente quando viajávamos com nossos pais. Ficávamos com a cabeça enconstada no vidro do carro, olhando as formas incríveis que apareciam nas nuvens. Algumas eram impressionantes de tão exatas que eram as imagens.

Vivien disse...

meu querido, eu vivo construindo castelos de areia e me arrebentando neles...rs
Mas como diria Machado.."melhor cair das nuvens do que do quarto andar."...ahhah....beijos.

Felipe disse...

Sai um kit de primeiros socorros areais e nublais para a Vi!

Machado estava certo.
Além do que, parece que não vale muito a pena esperar outra coisa desses castelos senão diversão e relaxamento sem compromisso. Já está na cara que eles vão se desmanchar mesmo...

Beijão

Maroto disse...

castelos de nuvens, de areia ou de pedras... é sábio não se apegar a eles, todos desmoronam. O que importa é sair ileso pra construir outro logo adiante

Paty disse...

Lipe, já tive a felicidade de criar personagens visto somente por mim(eu considerava-me previlégiada por ser a única a perceber tais personagens)rs, fazia castelos e como era gostoso visualiza-los.Amei este castelo que você fotografou, este foi um presente para todos nós, te agradeço de coração.
PS:Teu texto me soou poético e rico em lirismo.
Quando você morar numa casa e tiver um gato preto me avise, rsrs
Estou rindo mais também é sério.hehehehe
Beijos

Felipe disse...

Falou Maroto!
E ainda bem que desmoronam. Já pensou que tédio terrível, por exemplo, voar num céu cheio de nuvens com formatos fixos, congeladas para sempre? Sem falar que não ia nem ter espaço para fazer nada novo.

Felipe disse...

Ahahahahah!
Aviso sim, Paty.

E o bom de modelar nuvem, areia, essas coisas todas, é que a gente pode ver ali o que a gente quiser, sem correr o risco de invadir o espaço de ninguém. Brincar, apenas, leve, como deveria ser qualquer jogo que se propõe à fazer alguém feliz.

Beijão

Sean Hagen disse...

*


achei que não tinham muitos louquinhos que faziam fotos de nuvens.
tenho pilhas delas na gaveta.



*

Felipe disse...

Eu não vou nem te falar o tanto de coisas malucas que fotografo, Xôn... um dia eu fico ainda mais pirado e invento de postar aqui. :)