segunda-feira, setembro 18, 2006

Água

















A lição da água é aprender a confiar no que está sempre movimento, sobretudo em nós mesmos, porque tudo o que existe se move, da aparência aparente à essência da essência. Mesmo as pedras que parecem mortas, se dissolvem e se transformam em seu apaixonado e milenar namoro com as intempéries.

11 comentários:

Mariana disse...

Que imagem mais linda. É naquela lagoa onde ficam as imagens dos orixás? Beijo enorme.

Felipe disse...

Não, Mari (se bem que preciso ir lá tirar uma foto daqueles orixás incríveis antes de voltar pra Recife). A imagem da foto é o reflexo da popa de um daqueles barcos compridos, a motor, que tem no Rio São Francisco. Tirei essa foto em junho, em Penedo (AL).
Beijão

Ana disse...

Lindo, Lipe!
Tenho andado meio "fixada" pela água! Tudo nela me atrai, tudo me leva à ela!

Ah! Não consegui a ampliar a foto, como gosto de fazer, pra observar todos os detalhes...

(Euzinha sempre com estas coisas...)

Beijos!

Ana disse...

Que bela notícia acabei de ler no Gênero Cinematográfico!!
Parabéns!! Que o trabalho de vocês seja cada vez mais conhecido e reconhecido!
:)

Felipe disse...

Obrigadão pela dica, Ana! Já fui lá e comentei. Nossa, que trabalheira bonita foi aquela série...

Elis disse...

Lindo, Felipe. Simples, direto e lindo.

cidinha disse...

Parabéns a ti,a Cinthia e ao restante da equipe. Espero que eu possa assistir a esse documentário produzido por vcs. Se souberes dia e horário que ele vai passar, me avisa, tá?
Descobri que Mariana é tua amiga!!! Que legal, mais uma pessoa em comum nas nossas vidas.

Grande beijo

Felipe disse...

Obrigado, Elis.
Também gostei. Tem coisas que fotografo e/ou que escrevo e que a ficha só cai depois e aí eu vejo como aquilo me toca de fato.

Felipe disse...

Obrigado, Cidinha.
Tem uma forma de assistir e de saber a programação através do site da própria TV Camara (http://www.camara.gov.br/internet/tvcamara) onde você pode acompanhar quando a série entrar na grade. Lá tem também uma opção para assistir ao vivo, que é muito legal.
Pois é, moça, conheço a Mariana. Figura querida que não vejo há quase dois anos! Minto! Vi agorinha, na foto do blog. :)
Beijão pra ti

Ana disse...

Lipe!
Olha eu aqui outra vez!
Vim contar que usei a tua foto numa montagem, confiando que tu não vás te importar!
:)
Obrigada!

Leonardo disse...

Uauuuu!!! Os reflexos deram um ar metalizado à água, quase de mercúrio... Nota Dez!!! Muito lindo mesmo, Felipe. :)