sábado, setembro 16, 2006

Maré



















Sou de escorpião, aparentado com água, também tenho minhas marés de humor. Não tem a ver com bem e mal, ruim ou bom, mas sim com 'de um jeito' e 'de outro jeito', jeitos que variam também: o 'um' e o 'outro' de um dia podem não ser os de outro dia. Sou mutante mesmo sem querer, mesmo sem entender o que, mesmo sem saber o que fazer, mudando a cada segundo, num 'vai-vem-muda-um-pouco' sem fim.

8 comentários:

Leonardo disse...

Felipe, estive aqui mais cedo e o site estava fora do ar... :( Que bom que voltou!! :)

Tenho medo de mar.

Ana disse...

Que bom que é assim!

Não me dou bem com quem é rigido, linear, sempre igual, óbvio!

Mas não estás falando de mau humor, né?

Elis disse...

Cá estou eu pensando com os meus botões: um monólogo sobre o que vc escreveu ficaria riquíssimo... Apesar de não ser de escorpião (ainda bem, pois três aqui dentro de casa seria demais, Jr e Pipe já o são), sou mutante assumida. Mulher de fases mesmo, de lua. Sem altos e baixos, somente um dia "assim" e em outros "assado". Um dia com uma vontade louca de falar, contar piada, rir de horário político. Em outro, de me trancar na reclusão do escritório e me por a escrever, escrever e questionar tudo ao meu redor. Bom saber que isso não é só dádiva dos hormônios femininos! Abraço e obrigada pelo carinho no blog novo!

Elis disse...

Ah, sobre o parapente: desde já sinta-se convidado a fazer um vôo. O Jr já voa há bastante tempo, foi com ele que voei pela primeira vez. Tenho certeza que para ele seria um enorme prazer te levar num duplo. Agora resta saber se será pelo céu do sul de Minas ou por aí nas suas paragens. Abração!

Felipe disse...

O site está esquisito, não é Leonardo? Já aconteceu algumas vezes ultimamente dele recusar meu acesso. Não abre nem a primeira tela. Diz que eu não tenho autorização para entrar ali. Acho, devem ter consertado. To feliz.
:)

Tens medo de mar? De certo modo eu tb tenho. Pra ser exato, tenho medo de lugares onde eu não veja o fundo, de águas turvas. Posso até tomar banho ali, mas não é um banho tranquilo. Mas se as águas são cristalinas, o menino que sou vem à tona e faz a maior farra.

Felipe disse...

To falando de humor de um modo geral, Aninha. Humor como estado emocional, assim, de um modo bem amplo, como se a gente fosse uma aquarela emocional.
Se bem que tem a ver com mau humor ou bom humor tb. Mas aí seria simplificar muito as coisas. Mau humor seria qualquer situação em que eu não me sentisse legal. Mas isso de não me sentir legal nem sempre significa que estou sofrendo ou que estou antipático. Não gosto de generalizar quando o assunto é coração. A gente corre o risco de ser injusto com a gente e com quem tá com a gente.
Ih. Será que esclareci ou compliquei? Eheheheh.

Felipe disse...

Gostei da idéia do monólogo, Elis. Dá pra inventar um mundo pra esse personagem aquático. Valeu.

Sobre mutantes, tenho algo a dizer, uma coisa que me ocorreu lendo teu comment. Todos nós, homens e mulheres somos mutantes. Só que a gente não cresce aprendendo a olhar para isso e lidar com isso. As vezes até acontece o contrário: a gente é forçado a acreditar que é um rótulo qualquer, imóvel, fixo (ou bem pouco imóvel) e "seguro". Mas o que nós somos mesmo? Creio que, no mínimo, eternas crianças brincando de aprender com o Universo. Não to falando de religião. To falando de um Universo que ninguém explicou ainda e que se estende da gente pra dentro e da gente pra fora.

Poxa, além de Felipes, Jr e Pipe são escorpiões? Coincidência! Mas scorpios são legais, cê sabe. Tem muita mistificação só porque os bichins são venenosos, misteriosos e gostam de uns cantins escondidos. Mas ele são do bem. O segredo é não pisar em cima. eheheheh.

Gostei da visita ao site novo. Vou aparecer mais vzs. Abração.

Felipe disse...

Achei demais de bom o convite do voo parapentesco! Claro que vou querer sim! Onde será? Bom, acho que a oportunidade vai aparecer e aí, pode ser no Sul de Minas mesmo ou lá pertim de Pernambuco. Vou ficar ligado, ok?
Valeu!!! Gostei que só dessa idéia!
Abração!