domingo, fevereiro 25, 2007

Peixe-barco

Os fazedores de barcos aprenderam a colocar suas obras para navegar, observando os seres que vivem no mar.

6 comentários:

Vivien disse...

a baleia do jonas?

Fábio Pinheiro disse...

Não é possível imaginar nada além do que se conheça. A engenharia humana não está além do observado. É inevitável, não é possível imaginar monstros que estejam fora do repertório humano. Então, sim, a baleia do Jonas, sendo devorado pelo que não compreendia. E o 'divino' lhe vomitando no lugar onde deveria estar. A foto me lembrou também de Pinocchio, indo buscar o pai dentro da baleia.

Felipe disse...

A própria, Vi.
Encalhou numa praia porque não acreditava que podia viver sem um profeta no ventre. ;)
Beijo

Felipe disse...

Eu lembro da cena, Caio. Fiquei com tanto medo a primeira vez que vi, tinha uns quatro ou cinco anos.
As costelas da baleia que engole Pinóquio e Gepeto pareciam essa estrutura do barco.

Sean Hagen disse...

*



legal a foto: o mar encerrado dentro do barco.
a causa dentro da conseqüência.




*

Felipe disse...

Bonita sacada, Xôn.
Não tinha reparado isso. Belo mesmo. E desconcertante.