terça-feira, julho 11, 2006

Noturna
















Esta é a praia da Avenida, em Salvador, entre o farol da Barra e o morro do Cristo, no dia em que houve um eclipse super total do sol. Os carros tiveram que andar com os faróis acesos ao meio-dia e os mais estressados esqueceram que não almoçaram e pediram o jantar.

7 comentários:

Ana disse...

O lobisomem, do post anterior, não deve ter entendido nada, quando, subtamente o Sol surge detrás da Lua!

:)

Cidinha disse...

olha Anabacana se revelando ao dizer que o pobre homem trabalhador nada mais é que o lobisomem.
Essa "viagem" no dia do eclise ficou massa. Logo identifiquei o lugar e lembrei do Barravento, que é uma delícia de restaurante!

Felipe disse...

Ahahahah!
Genial, Ana! Imagino o susto do cara.

:D

Felipe disse...

O Barravento é legal, sim. Segredo que tu já sabes: é ótimo pra gente ficar papeando e assistindo eclipses, luas de todo tipo, estrelas cadentes, supernovas e dança de ovnis, coisas comuns na Barra. Ontem mesmo passou um cometa-pena-de-avestruz... Eheheheh.
Duvidas? Verás!

Ana disse...

Oh, céus!
Que tipo de bebida servem no Barravento??

Felipe disse...

Mas, Ana, desde quando na Barra é preciso beber pra ver essas coisas? Olhou pro céu: viu!
Mistérios da imaginação... uuuuuu!
:)

Ana disse...

Sei, não...

Aqui em satoleP o céu é um tédio!

Mas a cidade, vista lá do alto, quando saio a passear na minha vassoura, pode ser surpreendente!

Fica todo mundo olhando pra cima e achando esquisito o meu meio de transporte! Hihihihi!

Qualquer dia aterrisso aí! :)